domingo, setembro 01, 2013

Morrendo e aprendendo



Lá pelos meus 13 anos, vi um filme com  a minha tia chamado "Morrendo e Aprendendo". Daquele elenco, só conhecia o Robert Downey Jr., que anos antes tinha vivido Chaplin no filme de mesmo nome e a Elizabeth Shue, que sempre será a namoradinha de Daniel San. O filme é uma comédia divertida, com uma lição que acho que só entendi nos últimos anos, após revê-lo. Hoje, vi novamente, com meu pai que, assim como eu é um chorão (sim, choramos hoje com o filme.) 
Todos tem uma missão à cumprir nessa vida. Todos. Mas a pergunta que ficou na minha cabeça é um pouco mais complexa. 
Se você morresse hoje, de repente, e tivesse uma chance de fazer uma coisa que ficou pra trás. Só uma. O que você faria?
Pois é...Não me venham com aquele negócio de ir à Londres, comer comida japonesa...A porra é séria.
Um pedido de desculpa, uma oportunidade que passou, um amor perdido, uma mancada que você deu e gostaria de desfazer...Sei lá.
A questão é que, não sei ainda o que eu faria. Não sei se é porque eu gostaria de resolver todas essas questões acima ou porque eu ainda não tive que pensar nisso. 
Mas que essa luz não venha apenas na hora em que o ônibus verde que virá me buscar e me levará ao Paraíso. (tem isso no filme, mas mesmo assim ele é legal, sério.)

E sim, eu também gostaria de ir à Londres...

Nenhum comentário: