quarta-feira, dezembro 04, 2013

Faz sentido?






- A conta por favor.
- O senhor não quer um café?
- Depende..Café é aquilo que a gente pede quando quer pagar o que consumiu?
- Não, senhor. Isso é a conta.
- Oh, sim. Então foi isso que eu pedi. Pode trazer a conta?

Mais um dos diálogos imaginários que eu crio enquanto demoro 10 segundos para responder perguntas que eu acho que não fazem sentido algum.
Assim como não faz sentido eu estar acordado à 1h44 tendo que acordar as 6h30. 
Mas também, não faz sentido uma pessoa ter que ir dormir depois que o cachorro para de latir e antes de a vizinha começar a mandar o filho à merda e xingar o pai de monstro bêbado às 7h gritar com os filhos na janela em frente ao meu quarto.
Muito menos escrever enquanto a TV está ligada no Jô Soares e o chá tenta esfriar nessa noite de 28ºC.
O cachorro voltou a latir porque a vizinha gritou com o pai. Não faz sentido. Não à 1h55.
Esses dias alguém me falou que queria minha amizade. Não durou 1 dia. Não faz sentido. Ou melhor...faz...pra mim.
Entre coisas que fazem e não fazem sentido, existe uma coisa chamada vida. E na vida, embora muita coisa não faça sentido, algumas coisas dão sentido à vida. 
Quando você compreende tudo isso, mesmo achando que não faz sentido, é sinal que a busca por um sentido na vida começou a fazer sentido.
Foram 33 anos até que isso acontecesse pra mim. 
Deixei tudo de ruim para trás, deixei de olhar para trás, encontrei a paz.
Agora, tudo faz sentido.


Nenhum comentário: